Escolha uma Página

 

A Tomografia Computadorizada dói?                       

O exame é feito colocando o paciente deitado sobre uma mesa especial para o exame. Esta desliza lentamente para dentro de um tubo. Este tubo faz parte do aparelho de onde sairão os raios-x e ele é aberto. Em algumas situações a pessoa é orientada a colocar uma roupa mais adequada. O exame é totalmente indolor e nada será sentido. Não há qualquer espécie de contato com o aparelho emissor. Este emitirá os raios-x que passarão pelo corpo e produzirão as imagens na tela do computador do médico.

No exame de Tomografia Computadorizada basicamente o paciente é orientado para chegar na clínica ou hospital em jejum de 6 horas. De acordo com a parte do corpo a ser examinada poderá ou não usar contraste iodado na veia.

Sempre é feito uma entrevista antes para saber de alergias, doenças prévias, cirurgias, marcapasso, pinos pelo corpo, medicamentos que usa. Essas informações ajudarão o especialista a interpretar de maneira mais eficiente o exame.

No momento do exame é pedido para o paciente deitar na mesa que irá ser encaminhada para dentro do túnel que passa a radiação pela região estudada e forma as imagens no computador que serão posteriormente analisadas.

O exame dura em torno de 30 minutos e conforme o local em que é realizado poderá ter o resultado na forma de laudo médico no mesmo dia ou alguns dias depois.

Na maioria das vezes para realizar a Tomografia Computadorizada é necessário a administração endovenoso do meio de contraste, que consiste em uma substância a base de iodo e que é viscosa, isto é, é “grossa”. Por ser viscoso é necessário a punção de uma veia de grosso calibre. A punção venosa gera um discreto desconforto, muito semelhante ao sentido quando se retira sangue para realizar exames laboratoriais como por exemplo hemograma. Pessoas com fragilidade capilar muitas vezes precisam puncionar mais de uma veia, pois como explicado acima a substância de contraste é viscosa.

imagem2

Publicado em: 27/10/2017.

Dra. Elóa R. Gusso